Município da Guarda

Acesso Rápido
Linha Verde
Linha Verde Recados de Criança
BricoSolidário
A sua opinião conta
Recomendamos
Símbolo Acessibiliade
Este sítio foi preparado para ser acessível aos utilizadores com necessidades especiais.
Transpoortes Urbanos
Pacto de Autarcas
O Provedor de Justiça na Defesa do Cidadão

Câmara da Guarda Atribui Medalha de Ouro a Adriano Vasco Rodrigues

A Câmara da Guarda, o Instituto Politécnico da Guarda e a Assembleia Distrital da Guarda vão Homenagear o Prof. Adriano Vasco Rodrigues, no próximo dia 30 de Outubro, 6ª feira..

A homenagem é constituída por vários momentos dos quais se destacam a atribuição da Medalha de Ouro da Cidade da Guarda e a Medalha de Mérito do Instituto Politécnico da Guarda e uma vista à Biblioteca Escolar Adriano Vasco Rodrigues na Escola do 1º CEB do Bonfim, entre outros.

10h00 – Cerimónia de Entrega da Medalha de Mérito do Instituto Politécnico da Guarda
Auditório dos Serviços Centrais do IPG

11h15 – Visita à Biblioteca Escolar Adriano Vasco Rodrigues
Escola do 1º CEB do Bonfim

15h00 – Cerimónia de Entrega de Medalha de Ouro da Cidade da Guarda
Sala da Assembleia Municipal

16h00 – Inauguração da Exposição “Adriano Vasco Rodrigues – Vida e Obra”
Átrio da Câmara da Guarda

17h00 – Lançamento do Nº 12 da Revista Altitude
Hotel de Turismo da Guarda

       

Adriano Vasco Rodrigues                      

   

Adriano Vasco da Fonseca Rodrigues nasceu na Guarda, freguesia da Sé. A sua infância decorreu em Longroiva (Mêda), onde fez a escolaridade básica. Frequentou o liceu da Guarda até 1945, transferindo-se para o Porto. Ali frequentou a Escola do Magistério Primário, vindo a exercer a docência naquela Cidade, ao mesmo tempo que, como aluno voluntário, seguia Ciências Históricas e Filosóficas na Universidade de Coimbra, onde fez também o curso de Ciências Pedagógicas.

Obteve bolsa de estudo para se especializar em História da Arte Medieval na Universidade de Santiago de Compostela e também o Curso de Língua e Cultura Espanhola.

Casou em 1956, ano em que foi colocado e sua Esposa no Liceu da Guarda. Em 1959 era professor no Liceu Normal D.Manuel II, no Porto, e regia o curso de Arqueologia Peninsular na Universidade do Porto.

No começo da década de 1960 frequentou como bolseiro da Universidade de Bona o Instituto de Pré-história, onde estagiou em técnicas arqueológicas. Em 1965 partia para Angola, sendo nomeado Inspector Provincial Adjunto de Educação e ficando também a trabalhar no Instituto de Investigação Cientifica de Angola, repartindo a sua actividade pela formação de professores e actualização do Ensino e pela pesquisa arqueológica.

Regressando a Portugal no período da Abertura Marcelista foi incumbido de organizar e ser reitor do Liceu Piloto Garcia de Orta. Depois do 25 de Abril foi eleito deputado independente pelo CDS para a Assembleia da República (1976-83) e ali também eleito para a Assembleia do Atlântico Norte com os deputados Dr. Jaime da Gama, Dr. José Luís Nunes e Eng. Ângelo Correia. Naquela Assembleia foi designado relator da Comissão de Direitos Humanos. Foi Governador Civil do Distrito da Guarda (1982-83); Director-Geral do Ensino Particular e Cooperativo (1983-86) e, por concurso internacional, Director da Schola Europaea (U.E.) de 1988-89-1996), sendo até agora o único português a ocupar este cargo. Professor – associado de História da Arte na Universidade Livre e na Universidade Portucalense, de que foi um dos dez fundadores.

 Tem uma vasta obra publicada, repartida pelos campos da História e da Arqueologia.

© 1997-2006 Câmara Municipal da Guarda - Produção: Dom Digital, Lda.