Município da Guarda

Imagem: Informação da versão beta

Município da Guarda

EP/REFER: primeiras instalações conjuntas do país são na Guarda

23/02/2015
leitura do texto Galeria

A EP/REFER, empresa que resulta da fusão da Estradas de Portugal (EP) e da Rede Ferroviária Nacional (REFER), inaugurou ontem as primeiras instalações conjuntas, que permitirão reduzir custos e fê-lo na cidade da Guarda.

As instalações conjuntas, localizadas na estação ferroviária da Guarda, foram inauguradas pelo Presidente do Conselho Administração da EP/REFER, António Ramalho, e pelo Presidente da Câmara Municipal da Guarda, Álvaro Amaro.

Esta opção tem como objetivo, segundo António Ramalho: «reduzir custos, aumentar receitas e, sobretudo, valorizar o ativo». A Guarda é, de resto, o primeiro exemplo de uma medida que pretende ver aplicada aos 18 distritos do país.

Nas novas instalações ficarão a trabalhar a totalidade dos 33 funcionários que representam as duas antigas empresas (agora fundidas) na cidade mais alta.

«Uma boa solução». Foi assim que classificou a concentração dos serviços o presidente da Câmara da Guarda, Álvaro Amaro. A este propósito, o presidente adiantou ainda a possibilidade de os serviços distritais de proteção civil poderem vir a ser instalados no edifício da EP que agora ficou vago, situado na avenida Francisco Sá Carneiro.

Imagem: EP/REFER: primeiras instalações conjuntas do país são na Guarda

Imagem: 5.jpg
Imagem: 11.jpg
Imagem: 6.jpg
Imagem: 7.jpg
Imagem: 9.jpg
Imagem: 15.jpg
Imagem: 3.jpg
Imagem: 4.jpg
Imagem: 2.jpg
Imagem: 12.jpg
Imagem: 13.jpg
Imagem: 8.jpg
Imagem: 14.jpg