Município da Guarda

Imagem: Informação da versão beta

Município da Guarda

Município da Guarda já é fundador de Serralves

27/01/2017
leitura do texto

O Município da Guarda é Fundador de Serralves e a Guarda passa a ser uma das primeiras cidades do chamado arco do interior a receber as exposições de arte contemporânea da Fundação.

O Acordo de Cooperação entre o Município da Guarda e a Fundação de Serralves, assinado no passado dia 25 de janeiro, vai possibilitar novas exposições de arte contemporânea e atividades ligadas ao Serviço Educativo e poderá também mostrar criações de autores locais em atividades da fundação. Serralves quer promover «a dinâmica cultural descentralizada», diz a presidente do Conselho de Administração da Fundação, Ana Pinho.

Este reforço na Cultura é «uma aposta ganha», garante o presidente da Câmara da Guarda, Álvaro Amaro, que refere que a cidade mais alta «tem muito mais a ganhar com este protocolo que a própria Fundação».

Este acordo foi celebrado com a inauguração da exposição 20 | 40 que inclui 40 gravuras de 20 artistas plásticos residentes em Portugal e em França numa colaboração com a Associação dos Amigos do Museu Amadeo de Sousa-Cardoso e onde se destacam, entre outros, os trabalhos do guardense, Júlio Cunha. A exposição tem entrada livre e pode ser visitada até 31 março na Galeria do Paço da Cultura.

A comitiva visitou ainda a exposição Del Jardín del Bosco, do artista espanhol Florencio Maillo, patente no Museu da Guarda até 16 de fevereiro.

A tarde terminou no Teatro Municipal da Guarda com a visita à exposição de fotografia 'Transversalidades' do Centro de Estudos Ibéricos, patente na Galeria de Arte do TMG.

Imagem: Município da Guarda já é fundador de Serralves