Município da Guarda

Imagem: Informação da versão beta

Município da Guarda

Museu da Guarda ganha Prémio de Projeto internacional com o SIAC

12/06/2017
leitura do texto

O prémio 'Melhor Projeto Internacional' e a menção honrosa 'Incorporação de Bens Culturais e artísticos' foram os galardões arrecadados pelo Município da Guarda através do seu Museu na passada sexta-feira, dia 9 de junho, durante a cerimónia de entrega de prémios da Associação Portuguesa de Museologia (APOM) que decorreu no Museu Sores dos Reis, na cidade invicta. O 'Melhor Projeto Internacional' foi atribuído a propósito da primeira edição, em 2016, do Simpósio Internacional de Arte Contemporânea - Cidade da Guarda (SIAC) e a Menção Honrosa diz respeito à incorporação de cerca de 130 obras de arte no espólio do Museu Regional da Guarda.

Considerados os 'Óscares da Museologia Portuguesa', estes prémios vêm confirmar o crescente investimento do Município da Guarda na área cultural, como sublinha o presidente da autarquia, Álvaro Amaro: «esta distinção significa que o investimento público que estamos a fazer nas artes, na cultura em geral, constituiu um caminho determinante para o desenvolvimento da Guarda, porque ajuda na melhoria da qualidade de vida e a projeta no índice de competitividade das cidades. Ao fim de duas edições, termos o SIAC a ser destacado como o melhor projeto internacional, associado à estratégia de gestão do nosso Museu prova que a produção artística de arte contemporânea constitui uma 'riqueza' patrimonial para o futuro, com imenso potencial educativo para as novas gerações.»

Para além destas das categorias em que foi premiado, o Município candidatara-se ainda à 'Melhor exposição temporária' com a Exposição de Florencio Maíllo no âmbito do SIAC1, 'Melhor Parceria' pelo trabalho realizado com a Faculdade de Belas Artes da Universidade de Salamanca e outros Museus ibéricos e ainda o de 'Melhor Catálogo' também com o SIAC1.

Nesta edição, o júri dos Prémios Nacionais de Museologia teve que escolher os melhores de entre 130 candidaturas a nível nacional. A APOM pretende, com esta cerimónia anual, celebrar e reconhecer o que de melhor que se faz nos Museus Portugueses.

O SIAC 2 prossegue até ao dia 18 de junho com escultura e pintura ao vivo, cujas obras vão reverter para a cidade. Mas o programa é bem mais vasto e transversal a várias áreas artísticas.

Reveja o programa completo aqui.

Imagem: Museu da Guarda ganha Prémio de Projeto internacional com o SIAC