Município da Guarda

Imagem: Informação da versão beta

Município da Guarda

"Fragmentos Sonoros" da Rede CIMBSE estreia no Pátio da Sé

18/07/2018
leitura do texto

O projeto Cultura em Rede das Beiras e Serra da Estrela foi apresentado, em conferência de imprensa, no passado dia 17 de julho, no Café Concerto do Teatro Municipal da Guarda. Projeto este, que é desenvolvido em copromoção com os 15 municípios pertencentes à Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIMBSE).

'Fragmentos Sonoros' é um dos primeiros espetáculos deste projeto e o primeiro trabalho, de criação artística, na área da Música que se vai realizar pelos 5 municípios participantes. A estreia será na sexta-feira, dia 20 de julho, pelas 22h00, no Pátio da Sé da Guarda e o espetáculo está integrado no programa de animação do Município da Guarda, Verão em Alta.

Trata-se de um trabalho em rede co m a participação de vários músicos de diferentes localidades e idades que, juntos, vão tocar melodias durante a passagem de um filme. «Como uma orquestra» refere Tiago Pereira, músico e diretor artístico do espetáculo, de forma a proporcionar ao público um agradável espetáculo sonoro e visual.

A iniciativa Cultura em Rede tem como objetivo promover, valorizar e unir os artistas da região das Beiras e Serra da Estrela, através da criação de um programa cultural em rede que incentiva o aumento e produção de artes, como a Dança, a Música e o Teatro, pelos 15 municípios que integram a CIMBSE. O vereador da Cultura da Câmara da Guarda, Victor Amaral, salientou mesmo, «a importância da existência de uma rede intermunicipal» que facilita a circulação de espetáculos. Este projeto procura também fomentar a produção artística através da supressão de fronteiras entre artistas e artes.

O espetáculo, 'Fragmentos Sonoros', conta com a direção artística de Tiago Pereira, criação e realização de vídeo de Pedro Sousa Raposo e Luísa Neves Soares, desenho e operação de som e luz por Marco Silva e Tiago Lopes, produção executiva de Diana Caramelo e texto de João Paulo Reis.

O espetáculo circulará depois por mais quatro municípios da rede, noutras quatro datas: no dia 22 de julho no Castelo do Sabugal, no dia 11 de agosto no Largo da Igreja Matriz do Fundão, no dia 14 de agosto no Castelo de Belmonte e no dia 21 de setembro na Praça do Município da Covilhã, sempre às 22h00.

Imagem: